PONTOS DE REFLEXÃO

  • A liberdade reside dentro da mente e do coração.
  • A liberdade é um presente precioso.
  • Pode haver liberdade plena quando os direitos estão em equilíbrio com as responsabilidades.
  • Há liberdade plena quando todos têm direitos iguais.
  • Todas as pessoas têm direito de ser livres. Para que todos sejam livres, cada um deve respeitar os direitos dos outros.
  • A liberdade interior é experimentada quando eu tenho pensamentos positivos em relação a todos, incluindo a mim mesmo.
  • As pessoas querem liberdade para viver uma vida de propósitos, para escolher livremente um estilo de vida no qual possam, com seus filhos, crescer de maneira saudável e prosperar através do trabalho de suas mãos, mente e coração.
  • A liberdade pode ser erroneamente compreendida como um protetor que dá permissão para “fazer o que eu gosto, para quem quer que eu goste.” Esse conceito é enganoso e um mau uso da escolha.
  • A verdadeira liberdade é exercitada e experimentada quando os parâmetros são definidos e compreendidos. Os parâmetros são determinados pelo princípio de que todos têm, igualmente, os mesmos direitos. Por exemplo, o direito à paz, felicidade e justiça é inato, independente de religião, cultura ou gênero.
  • Violar os direitos de um ou mais para proporcionar liberdade a si mesmo, à sua família ou nação é um mau uso da liberdade. Esse tipo de mau uso, normalmente,  torna-se um revés, impondo, em algum momento, uma condição de constrangimento e, em alguns casos, opressão para o violado e o violador.
  • Liberdade plena funciona apenas quando os direitos estão em equilíbrio com as responsabilidades e a escolha está em equilíbrio com a consciência.
  • Liberdade interior é estar livre de confusão e complicações dentro da mente, intelecto e coração, que se originam da negatividade.
  • A liberdade interior é experimentada quando eu tenho pensamentos positivos em relação aos outros e a mim mesmo.
  • A liberdade é um processo contínuo. Como podemos criar e manter esse processo?
  • A autotransformação inicia o processo de transformação do mundo. O mundo não estará livre de guerra e injustiça até que os indivíduos se libertem.
  • O poder mais forte para colocar um fim nas guerras internas e externas é a consciência humana. Todo ato de liberdade, quando alinhado com a consciência humana, é libertador, empoderador e facilitador.
A cópia e publicação destes textos é autorizada mediante a divulgação da seguinte fonte:
Fonte: 
TILLMAN, Diane - Atividades com Valores para Crianças de 3 a 6 anos *, Editora Brahma Kumaris, São Paulo, 2005. 
TILLMAN, Diane - Atividades com Valores para Crianças de 7 a 14 anos *, Editora Brahma Kumaris, São Paulo, 2005.  
TILLMAN, Diane - Atividades com Valores para Jovens *, Editora Brahma Kumaris, São Paulo, 2005. 

VIVENDO VALORES NA EDUCAÇÃO - www.vivendovalores.org.br

* estes livros atualmente não estão disponíveis em português, mas em breve uma nova versão estará disponível neste site na seção Biblioteca Arco-Íris.

Compartilhar esta página: